Quem sou eu

Minha foto
Gaúcho de Pelotas, com experiência jornalística internacional, atuando em Rádio, TV e Jornal por mais de 40 anos. Cobriu duas Copas do Mundo (EUA e França), nove edições da Copa América e os Jogos Olímpícos de Atlanta (EUA), entre outros eventos importantes. Idealizador dos Jogos de Inverno Intersociedades de Londrina. Compositor premiado em diversas edições do Festival de Música de Londrina na década de 70.

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014



                    O BLOG DO FLÁVIO CAMPOS ESTÁ DE FÉRIAS
   


          De 21 de Fevereiro a 20 de Março, o Blog do Flávio Campos estará vivendo seu período de férias. A Praia do Laranjal (foto), lá em Pelotas-RS, me espera para um bom descanso. Será um ano duro, com Copa do Mundo, Eleições e muitos outros eventos importantes. Precisamos estar prontos para enfrentar o que virá.  Espero que todos tenham um bom Carnaval, mesmo que seja só pela TV.

                      RETORNAMOS NO DIA 21 DE MARÇO, COM TODA A FORÇA !

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Tubarão só empatou na Capital

               A vitória de domingo passado, no clássico com o Maringá, não trouxe todo o ânimo que a torcida londrinense esperava para o seu time.  Agora à noite, jogando no Ecoestádio contra o desfalcado misto do Atlético Paranaense, vice-lanterna do Paranaense, o Tubarão não passou de um empate de 2 a 2. Caiu para quarto lugar, ao lado do Coritiba. Vi o jogo pela televisão. O time do Tencati é fraco mesmo. Esforçado, mas fraco.
               O Atlético foi melhor no primeiro tempo e fez 1 a 0, aos 28 minutos, através de Crislan, que aproveitou jogada de Otávio com Zezinho. Mas o Tubarão empatou aos 37', quando Maicon cruzou da direita e Arthur cabeceou firme para as redes.
                 No segundo tempo, logo no primeiro minuto, o Furacão fez 2 a 1. O gol foi do lateral Mário Sergio. O técnico Claudio Tencati então tirou Silvio e colocou Rone Dias, que eu não sei porque não é titular. Quase fez um gol olímpico. A bola bateu na trave. E o time melhorou, passando a jogar mais a frente. Os atleticanos se encolheram e o empate acabou vindo, aos 36 minutos, quando o goleiro Rodolfo saiu precipitadamente do seu arco. O zagueiro Grole marcou de cabeça.
                  

Teliana está nas quartas-de-final

      A brasileira Teliana Pereira, 98ª do ranking da ATP, conseguiu agora há pouco a sua segunda vitória no Open Rio de Tenis. A pernambucana despachou a austríaca Patrícia Mayr-Achleitner (81 do mundo) por dois sets a zero, com parciais de 6/2 e 7/6.
 
       A  vitória valeu a chance de disputar a semifinal, amanhã contra a romena  Irina-Camelia Begu, que é a 145ª do ranking. Na partida de hoje, Teliana fez um ótimo primeiro set e mostrou muita raça no segundo.

A vida vai ficar muito pior

           Leio no jornal que "60% dos presos não mereciam estar na cadeia".  A alegação é de que eles não cometeram grandes delitos e deveriam cumprir pena em regime semi-aberto. "São crimes de pequena repercussão ou posse de pequena quantidade de droga" - dizem autoridades da Justiça do Paraná.
           Se do jeito que está, a vida aqui fora já está um horror, imaginem se soltarem todo esse povo, o que não irá acontecer.

Bellucci reage e vence Monaco

      É aquilo que eu sempre costumo dizer: o tenista brasileiro Thomaz Bellucci é imprevisível. Um grande lance agora, uma enorme mancada logo adiante. E ontem a noite, na sequência do Rio Open, o canhoto paulista aprontou mais uma das suas. Jogando muito mal, levou um 4/6 no primeiro set, contra o argentino Juan Monaco, 42º do ranking da ATP, dando a impressão de que seria presa fácil para o platino. Entretanto, o jogando sua melhor partida dos últimos tempos, ressurgiu a partir do segundo set, fazendo um duplo 6/3 e ganhando o jogo por 2 a 1.

       Nem parecia o mesmo tenista do começo de partida. Bellucci mostrou garra e qualidade, entusiasmando os cariocas que foram a quadra do Joquei Clube Brasileiro. Pelo menos há dois anos eu não via o brasileiro jogar tão bem.
       Com a vitória, Thomaz Bellucci passou às quartas-de-final. Vai enfrentar o espanhol David Ferrer, quarto melhor do mundo no momento,  que derrotou na rodada de ontem outro argentino (Federico del Bonis), por dois sets a zero.
        Por outro lado, o número um do ranking, o também, espanhol Rafael Nadal, confessou que não jogou uma grande partida na sua estréia no Rio, na qual derrotou seu compatriota Daniel Gimeno-Travel, por 6/3 e 7/5.

Timão achou um pior do que ele

        Depois de seis jogos de sofrimento, o Corinthians conseguiu encontrar um adversário pior do que ele, o coitadinho do Oeste de Itápolis. O Timão levou um gol aos 2 minutos, mas conseguiu virar o placar. O 2 a 1 valeu mais do que uma goleada.
                                     
        O Estádio Teixeirão, em São José do Rio Preto,  recebeu um grande público, que viu Romarinho e Jadson marcarem dois lindos gols. Os corinthianos voltaram pra casa contentes. É que além de sair do incômodo jejum, o Alvinegro teve a certeza de que passou o São Paulo pra trás: o londrinense Jadson (foto) é muito melhor do que o Pato.

Pérolas que o Facebook nos traz


     Sabrina Vargas, grande cantora e ótima amiga. É dela esta postagem que selecionei para este espaço que homenageia o Facebook

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Sochi: Brasil sempre entre os últimos

         Já era esperado. Afinal, o Brasil não tem tradição em esportes praticados no gelo. O que está acontecendo nos Jogos Olímpicos de Inverno que estão sendo disputados em Sochi, na Rússia, não surpreende ninguém. Em todas as provas que disputam, os atletas brasileiros ficam entre os últimos colocados. Mas, na maior parte das vezes, saem festejando sua participação.
          Nossa representante na patinação artística, Isadora Williams (fotos), foi muito aplaudida pelo público, mas obteve a baixa nota de 40,37 e ficou sem chance de classificação. Ela filha de brasileiros, mas nasceu nos Estados Unidos. No final da apresentação, ela fez de tudo para esconder o choro.


                                             QUADRO DE MEDALHAS
        A Noruega assumiu a liderança no Quadro de Medalhas dos Jogos de Sochi, chegando a nove de ouro, 4 de prata e 7 de bronze, totalizando vinte medalhas. A Alemanha caiu para segundo, com 8 de ouro, 3 de prata e 4 de bronze. Vem a seguir: 3º EUA (7-5-11), 4º Rússia (6-9-7), 5º Holanda (6-7-9), 6º Suíça (6-3-1), 7º Canadá (5-9-4), 8º Bielorrússia (5-0-1), 9º Polônia (4-0-0) e 10º França (3-2-6).
  
        Está ficando muito difícil assistir os jornais das emissoras de televisão. Parece que o mundo inteiro está brigando. Ontem, tive que mudar de canal, depois de ver pancadaria na Ucrânia, na Venezuela, na Tailândia e aqui no Brasil, nas tais manifestações. Chega de briga, não aguento mais.

Pobre futebol uruguaio

         O Uruguai ainda consegue montar uma Seleção forte, porque vai buscar lá fora todos os jogadores que foram negociados. Uma situação parecida com a do Brasil, mas bem pior. Nós ainda conseguimos segurar por aqui alguns jovens jogadores que brilham nos nossos campeonatos. Mas os uruguaios vão revelando e vendendo imediatamente. Só ficam os velhos.
        O resultado desta política errada se reflete em competições como a Libertadores. Ontem, assisti a derrota do Peñarol, em pleno Estádio Centenário, para o Santos Laguna do México, por 2 a 0. Deu pena. Dos onze titulares do Peñarol, nove tem mais de 32 anos. São bons jogadores, mas desgastados pelo tempo. Lá estavam o goleiro Castillo, que já jogou no Botafogo, e vários outros veteranos conhecidos, como Daryo Rodriguez, Zalayeta, Sergio Orteman, Pacheco, Macaluso e outros. 
           Aguentou um 0 a 0 no primeiro tempo, mas levou dois gols na fase final. O primeiro foi marcado por Lacerda, que é uruguaio de nascimento. E o segundo veio pra matar a partida, aos 45', por Abella.
                               
         E o técnico do Peñarol e outro profissional muito conhecido dos brasileiros, Jorge Fossati. Fiquei com dó dele. Fazer o que ? Com aquele monte de velhos ninguém aguenta.
         O jogo serviu para a gente rever o nosso Heber Roberto Lopes, que apitou com segurança. E o time mexicano mostrou um craque especial: o meia atacante Quintero. Muito bom. O técnico português Pedro Caixinha também mostrou ser esperto.
          Na semana passada, já havíamos visto o outro "grande" do Uruguai, o Nacional perder para o Grêmio, lá mesmo em Montevidéo. Também é um time de veteranos, como o goleiro Munúa, o zagueiro Scotti,  o meia Recoba e outros "manjados". O futebol uruguaio, campeoníssimo da Libertadores, hoje apanha de todo mundo.

Libertadores também tem "peladões"

       Gosto muito de ver os jogos da Libertadores, sempre muito disputados. Mas o torneio também tem as suas "peladas". A outra partida da rodada de ontem, que terminou no começo da madrugada, parecia um jogo da Segunda Divisão Paranaense. Em tudo.
        Pra começar, o estádio do Independiente Del Valle (vice-campeão equatoriano e estreante em Libertadores) provavelmente não passaria pela Comissão de Vistoria da Federação Paranaense. Cabem menos de 10 mil pessoas. Em determinados setores, como atrás dos gols, foram colocados panos brancos, que mais pareciam lençóis, certamente para esconder a total falta de estrutura. O povo se acomodava nos barrancos que circundam o estádio. Um negócio muito pobre. Para completar, choveu antes do jogo e o gramado ficou ruim e escorregadio.
       Independiente De Valle e Universidad Española Chile fizeram um primeiro tempo terrível, com vitória parcial do time da casa, com um gol de Somoza cobrando pênalti. Mas melhorou no segundo tempo, porque saíram três gols num espaço de cinco minutos. Jaime empatou, mas Guerrero voltou a colocar o Independiente na frente. Porém, um minuto depois. Chaves empatou de novo. Depois, os chilenos ficaram só com dez, porque Canales foi expulso, mas o goleiro Sanchez garantiu o empate de 2 a 2.
        Acho que o Botafogo do Rio vai se classificar fácil neste grupo. Me decepcionou a Universidad Española, atual campeã chilena. Tem alguns jogadores de bom nível, mas é um time meio desarrumado. O técnico é Sierra (aquele que jogou no São Paulo). Ele também foi expulso ontem. E o Independiente Del Valle não tem muito a pretender.

Pérolas que o Facebook nos traz


           Realmente engraçada a postagem do amigo Antunes J.Filho. Os gatos têm mesmo que ser peludos. Deus fez tudo certinho

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

O Thomaz Bellucci de sempre

      O brasileiro Thomas Bellucci estreou ontem no Open Rio com vitória sobre o colombiano Santiago Giraldo, 69º do ranking da ATP. Foi um triunfo importante, mas a partida mostrou que Bellucci continua sendo aquele tenista instável, capaz de realizar um grande lance mas, logo em seguida, fazer duas ou três bobagens.
       E foi mais uma apresentação irregular do paulista de Tietê. Perdeu o primeiro set, por 3/6, e esteve seriamente ameaçado de ser derrotado também no segundo. Mas reagiu e ganhou por 6/4.
        O colombiano sentiu então a força da torcida, que empurrava o brasileiro, e começou a errar seguidamente. Foi neste embalo que Thomas Bellucci fechou o terceiro set (6/3) e garantiu passagem para as oitavas de final do torneio.
         Atual 130º do mundo, o brasileiro vai tentar melhorar sua posição no ranking somando pontos em casa. Mas continua sendo um jogador inseguro. Deu pena vê-lo nas entrevistas ao final da partida de ontem. Teve que suspender a conversa várias vezes, porque não segurava a emoção e chorava.  
                   

Brincadeira tem hora

      Falar numa possível convocação do atacante Alan Kardec para defender a Seleção Brasileira na Copa do Mundo me parece ser uma piada de péssimo gosto. Ele não é um mau jogador e, domingo contra o Corinthians, fez um lindo gol de cabeça. Mas está muito longe de ser um "jogador de Seleção".  Só se o Felipão estiver ficando maluco.

Brasileiras estão em penúltimo

      Apesar do acidente sofrido nos treinos da semana passada, a dupla feminina do Brasil estreou hoje no Bobsled dos Jogos Olímpicos de Sochi. Não foi uma estréia vitoriosa, mas pelo menos nossas patrícias conseguiram completar o percurso sem maiores problemas. Fabiana dos Santos e Sally Mayara fecharam em 18º lugar, ficando a frente apenas das coreanas Kim e Shin, ultima dupla das 19 participantes.

          Hoje foram realizadas duas descidas. Na primeira, o trenó brasileiro ("The Blue Birds") não teve sustos, mas na segunda chegou a bater duas vezes no teto, perdendo um tempo importante. Mas ainda conseguiram ficar a frente das coreanas. Os Estados Unidos estão liderando, com o Canadá em segundo lugar.

Curitiba terá jogos da Copa

         A confirmação oficial virá daqui a pouco, numa entrevista coletiva, mas já dá para garantir que Curitiba terá jogos pela Copa do Mundo. A afirmação foi feita agora há pouco, pelo secretário da Fifa, Jérôme Valcke, num telefonema para o prefeito curitibano Gustavo Fruet.
                           
       O governo paranaense acabou garantindo um repasse de R$ 65 milhões para a conclusão da Arena do Atlético (foto). O dinheiro virá do BNDES, e o consultor de estádios da Fifa, Charles Botta recebeu a garantia hoje pela manhã, repassando-a a Jérôme Valcke.

Pérolas que o facebook nos traz


       Conselho de mãe ninguém esquece. Principalmente os básicos, como estes que figuram na postagem da querida Amanda Vansan

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Mano jogou a vitória fora

       A reabilitação corinthiana, com uma vitória sobre o Palmeiras, estava muito perto de ser concretizada. Mas o técnico Mano Menezes pisou na bola, tirando Bruno Henrique, Jadson e Romarinho, para recuar mais o time com as entradas de Ramirez, Renato Augusto e Jocinei. Não deu outra: os palmeirenses foram pra cima e empataram a partida, com um golaço de Alan Kardec, em linda cabeçada.
       O londrinense Bruno Henrique estava perfeito na meia-cancha. Tem tudo para ser o legítimo sucessor de Paulinho. Jadson também estreou muito bem. E Romarinho havia feito o gol corinthiano. Por que tirar os três ? Que burrice, hein Mano ?

Ganhar um clássico sempre é bom

    Sem aquela calorenta camisa escura, o Tubarão finalmente conseguiu uma boa vitória no Campeonato Paranaense. Pela velha rivalidade, derrotar o Maringá é sempre muito importante. Jogando de branco, o time londrinense parecia mais solto em campo, ganhando por 3 a 2, placar que mostra como o jogo foi difícil.
 
                           
                                        
      Do jeito que a partida estava, na metade do segundo tempo, poderia ter ocorrido qualquer resultado. O Londrina soube tirar proveito dos muitos erros maringaenses para garantir a vitória. No primeiro gol, a zaga do Galo (o Maringá ainda pode ser chamado de Galo ?) entregou geral. E nos outros dois, o bom goleiro Nei mostrou que estava em tarde ruim. Ficou pregado no chão no segundo e falhou total no terceiro.  
       Mas a defesa do Tubarão também andou falhando. O segundo gol maringaense foi uma cópia de vários outros que o Alviceleste já levou neste campeonato. o setor sempre se abre para os chutes de fora. Entretanto, o goleiro Victor esteve muito bem desta vez.
        De qualquer forma, o jogo valeu pelos cinco gols e pela árdua disputa. A qualidade voltou a ser baixa, mas nossos times não têm condição de apresentar coisa muito melhor. São times fracos.

Ninguém está garantido até aqui

       Com a queda do Maringá, derrotado nas duas últimas rodadas, não há mais favoritismo nesta primeira fase do Campeonato Paranaense. Se tivesse vencido  Prudentópolis e Londrina, a equipe maringaense teria disparado na ponta, com 16 pontos. Mas agora está tudo embolado, com nítido nivelamento por baixo. J.Malucelli está liderando com 12 pontos. Até parece brincadeira.
        O Cianorte, que estava lá embaixo até um dia destes,já é vice-líder, junto com Londrina, Maringá e Rio Branco, dois pontos atrás do Jotinha. Mas pode mudar tudo, já na próxima rodada. O Coritiba, agora com os titulares em campo, deve desbancar o JM, nesta quarta-feira no Couto Pereira.
         Se perder para o Atlético, na Capital, o Tubarão pode cair lá pra baixo, saindo do grupo dos quatro primeiros. O Rio Branco tem tudo para assumir a liderança, em casa contra o lanterna Toledo. E os outros dois vice-líderes (Maringá e Cianorte) se enfrentam na Cidade Canção. Quem perder se complica.
          E é melhor a gente parar de fazer "continhas" pra não correr o risco de enlouquecer. O Paranaense 2014 é mesmo um campeonato de malucos.
     

Pérolas que o Facebook nos traz


      Pode haver coisa mais linda ?  Um beija-flor pousado em sua mão e já curtindo sua flor. A postagem veio de Bagé-RS, da amiga e sobrinha Stela Vasconcellos

domingo, 16 de fevereiro de 2014

Brasileiras se acidentam em Sochi



      As brasileiras Fabiana Santos e Larissa Antunes passaram hoje por um grande susto, em Sochi, durante um treino para a prova de bobsled, pelos Jogos Olímpicos de Inverno. A dupla perdeu o controle do seu trenó, que bateu na curva 11 do percurso e virou, seguindo de ponta-cabeça até o final do circuito.

       Embora tenham batido a cabeça nas bordas da pista, as brasileiras saíram andando do trenó. Elas passaram por exames médicos que não apontaram nada, e foram liberadas para competir na prova de estréia, marcada para terça-feira. O trenó sofreu algumas avarias, mas já está sendo consertado.
        Porém, ficou a dúvida: com pouca experiência, participar de uma prova tão difícil não será um risco exagerado para as brasileiras ?
 
                                         ALEMANHA LIDERA
          Na luta pelas medalhas olímpicas, a Alemanha fecha o domingo na liderança, com 7 de ouro, 3 de prata e 2 de bronze. A Holanda aparece em segundo (5-5-7), a Noruega em terceiro (5-3-6), a Suíça em quarto (5-1-1) e a Rússia em quinto, com 4 douradas, 7 prateadas e 5 bronzeadas.
 

Seja bem vindo, Sidney

       Com muita alegria, vou saudando a presença do amigo Sidney Franchello como novo seguidor do Blog do Flávio Campos. Um grande alegria pra mim. Sidney é um velho companheiro de grandes jornadas. Tê-lo como colaborador é realmente muito bom. Um abração, Sidney.

Lanche CTI é a novidade

                          

       Um dia destes foi uma "coxinha gigante", inventada numa padaria da Zona Norte de São Paulo. Hoje, surge outra extravagância culinária. O dono de uma lanchonete de Linhares, cidade do Espírito Santo, acaba de lançar o "Lanche CTI", que pesa 40 quilos e custa R$ 600.
        Cinquenta bifes de hambúrguer, 7 quilos de baicon, 55 fatias de queijo e presunto e mais três pés de alface são apenas alguns ingredientes do sanduiche, que reúne mais de 135 mil calorias.
         Ovos, milho, batata palha, frango, calabresa, peito de peru, catupiri e filé mignon estão entre as delícias que enriquecem o CTI, que está sendo vendido para aniversários, substituindo o tradicional bolo, segundo o proprietário da lanchonete Jacies Mantovani.
                             E aí, alguém está habilitado a encarar ?

A folia já corre solta no Rio





      Desde ontem, dezenas de blocos burlescos estão espalhando a alegria do Carnaval pelas ruas do Rio de Janeiro. A folia já começou na Cidade Maravilhosa, que esquece os seus problemas e trata de cantar e pular pra valer.
      A foto acima é do Boco "Chora, Me Liga", hoje na Praia de Copacabana, levantando o povo. Mais de 30 blocos desfilam neste final de semana. No Carnaval, serão ao todo 457 blocos, com mais de 5 milhões de pessoas participando.
              E ainda tem gente que não gosta desta maravilha

O novo Beira-Rio agradou



          O Internacional realizou ontem uma pré-reabertura do estádio Beira-Rio, que estava fechado há 47 dias, passando por reformas gerais para sediar jogos da Copa do Mundo. Os colorados aproveitaram a realização do jogo com o Caxias, pelo Gauchão, para promover o que chamaram de evento teste. Acho que foi muito boa esta idéia de testar o estádio antes de reinaugurá-lo oficialmente.
          Ainda faltam alguns detalhes, mas o Beira-Rio está quase pronto. E numa visão geral agradou. Apenas uma parte foi liberada para um público de 12 mil, formado só por associados colorados. Em tudo, o estádio passa uma impressão de grandeza, embora não seja tão bonito como a Arena do Grêmio, também inaugurada há pouco tempo.
           O Beira-Rio mostrou ótima funcionalidade e, sobretudo, dois grandes destaques: o sistema de som e principalmente a iluminação. Não há sombras feitas pelos jogadores, como ocorre na maioria dos estádios.
           Os 20 bares funcionaram muito bem, com preços razoáveis: refri a R$ 5,  salgadinhos a R$ 7, água a R$ 3 e cerveja (sem álcool) a R$ 6.  E vários bares aceitam cartões de crédito, o que ajuda muito os torcedores.     
                                              Festa para Fabrício, autor do primeiro gol
            O gramado também agradou. A bola rolou direitinho, e o Inter goleou tranquilamente o Caxias, por 4 a 0. Fabrício entrou para a história do clube, marcando o primeiro gol do renovado estádio, que foi construído há 45 anos. Ele ainda marcou mais um. Rafael Moura fez os outros dois.
            Algumas reclamações na hora da saída, porque os torcedores gastaram cerca de 14 minutos para chegar das arquibancadas ao portão de saída. Mas não me parece um tempo tão grande.
            O que me pareceu mais importante foi o fato do público ter voltado pra casa convencido de que Porto Alegre tem, agora dois grandes e modernos campos de futebol.  Que outra cidade tem isso no País ?
 

Pérolas que o Facebook nos traz


        A querida Cristina Costa está viajando pelo Rio Grande do Norte, mas antes de deixar Pelotas-RS deixou esta postagem maravilhosa.

sábado, 15 de fevereiro de 2014

O balanço da primeira rodada

       A primeira rodada da Fase de Grupos da Copa Libertadores da América ficou praticamente fechada. Está faltando apenas um jogo do Grupo 2, entre Independiente Del Valle (Equador) e Union Española (Chile), que só vão se enfrentar na terça-feira. A etapa inicial das outras chaves foi concluída, nos proporcionando a chance para as primeiras análises.

     #    No Grupo 1, tivemos resultados lógicos, com vitórias do argentino Velez, grande favorito, e do Atlético Paranaense, que jogando em casa derrotou oThe Strongest. O Velez vai se classificar. A briga será pela segunda vaga. O problema do Atlético é que fará agora dois jogos seguidos fora do Brasil, e o primeiro deles será justamente na Argentina, com o poderoso Velez Sarsfield. O Furacão precisa arranjar pelo menos um pontinho nestas duas próximas partidas, senão vai ficar difícil.

      #    No Grupo 3, só o Deportivo Cali (Colômbia) começou com vitória, abrindo vantagem. Mas o Lanus (Argentina) empatou com o O'Higgins, lá no Chile, e continua sendo o favorito da chave. O Cerro Porteño do Paraguai foi o único que perdeu na estréia, e vai ter que buscar um bom resultado, em casa contra os platinos.

          No Grupo 4, os meus dois favoritos já saíram na frente: Santa Fé (Colômbia) e Atlético Mineiro. Mas os dois vão se pegar na segunda rodada, em Belo Horizonte. Quem vencer fica numa boa. Zamora (VEN) e Nacional (PAR) são zebras.

           No Grupo 5, as coisas não ficaram boas para o Cruzeiro, campeão brasileiro, depois da derrota na estréia, para o Real Garcilaso, no Perú. A Universidad do Chile já mostrou as suas garras, ganhando em casa do uruguaio Defensor. Pra mim, o grande favoritismo é de La U.

      #      No Grupo 6, considerado o "Grupo da Morte", o grande vencedor da rodada inicial foi mesmo o Grêmio Portoalegrense. Ganhar do Nacional por 1 a 0 (foto), lá em Montevidéo, foi mesmo uma proeza. Mas o Atlético Nacional da Colômbia também mostrou força. Em seu reduto, não deu moleza para o "grande" Newell's Old Boys derrotando os argentinos, também por 1 a 0. Jogando na Arena, o Grêmio tem tudo para vencer vos colombianos e ficar sozinho na frente.

        #      No Grupo 7, o Flamengo vai ter que ganhar os dois jogos seguidos que disputará em casa, para se reabilitar da derrota para o Leon, lá no México. Qualquer novo tropeço poderá ser fatal para os cariocas. E o próximo adversário será justamente o Emelec do Equador, que ganhou do Bolívar e é um dos líderes da chave. Será um grupo muito difícil.

              No Grupo 8, finalmente, o Santos-Laguna do México é lider isolado, mas joga agora em Montevidéo, contra o Peñarol, que empatou com o Anzoatégui da Venezuela, na largada. E o Arsenal da Argentina, derrotado na estréia pelos mexicanos, deve se recuperar, em casa contra os venezuelanos.
          

Para o Coxa, o campeonato começou ontem

        Depois de muitos insucessos, o Coritiba finalmente resolveu colocar seu time titular em campo, ontem no Couto Pereira, contra o Rio Branco. E fez as pazes com a vitória, ganhando por 2 a 0 e melhorando sua situação no campeonato. Com jogadores de nível mais elevado, como o londrinense Germano (foto) é outra coisa. Já pulou para quarto lugar e logo estará brigando pela liderança, podem apostar. Só não gostei da camisa amarela. Moda idiota esta.
                                                                                           (site Futebol Paranaense Net)
       Uma pena que as melhores equipes do Interior não tenham aproveitado para deslanchar no campeonato. A partir de agora, as dificuldades serão muito maiores. É um outro campeonato. E o Atlético certamente também deve pelo menos reforçar seu time misto, para entrar também na briga. A moleza dos pequenos acabou.

Pérolas que o Facebook nos traz


          Muito boa a postagem feita pela amiga Marília Farias Onofre. Tem muita coisa que merece protesto e não está sendo alvo dos nossos jovens protestantes

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

          

            O Blog do Flávio Campos está

                                       EM MANUTENÇÃO

                                                   Retornamos amanhã (sábado 15/02/2014)
                                     

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Horário de verão está acabando

 

          O horário de verão, adorado por muitos e odiado por outros tantos, está vivendo seus últimos dias nesta temporada. Iniciado no dia 20 de outubro do ano passado, ele termina a zero hora de domingo, nos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio, Espírito Santo, Minas, Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.
            Duro é explicar ao "galo" que ele terá que cantar uma hora antes do que vem fazendo há quatro meses.

Zico na Sapucaí é sucesso certo



          A Imperatriz Leopoldinense vai contar neste carnaval a história de Zico, um dos maiores nomes do futebol brasileiro em todos os tempos. E podem apostar que será uma loucura. A enorme torcida do Flamengo vair cair matando na Marquês de Sapucaí. E a Imperatriz, que não vence desde 2001, vai desfilar no dia 3 de março, segunda-feira de Carnaval, dia em que o Galinho de Quintino estará completando 61 anos. Vai ser uma festa só.
           Zico esteve hoje no barracão da Escola. Foi conferir o trabalho do carnavalesco Cahê Rodrigues. E gostou muito. "Fico até arrepiado, quando ouço o samba enredo" - disse o Galinho.

Uma noite de derrotas

     Se a terça-feira foi boa para o futebol brasileiro, com vitórias do Galo e do Fogão, a noite de ontem não foi nada agradável. Flamengo e Cruzeiro jogaram mal e perderam na estréia na fase de grupos da Libertadores. Acho que será assim em todo o torneio. O futebol dos nossos times está muito irregular.

      O Flamengo fez tudo errado. Deu a impressão de que queria ganhar  na marra, levando tudo no peito.   Caiu do cavalo, porque logo aos  11 minutos, o ignorante Amaral atingiu criminosamente um adversário e foi corretamente expulso pelo árbitro colombiano José Buitrago. Os rubronegros tentaram superar a adversidade, mas aos 31 minutos o Leon abriu a contagem, num penalti discutível de Hernani. Boselli cobrou e marcou.
        No finalzinho do primeiro tempo, Elano cobrou falta e o paraguaio Cáceres ainda empatou, mas já dava para perceber que dificilmente o Mengo escaparia da derrota na fase final. E se o goleiro Felipe não estivesse tão inspirado, o Leon teria goleado. Felipe pegou até  um segundo penalti, também cobrado por Boselli, que tentou uma "cavadinha" e se deu mal. O arqueiro carioca fez pelo menos cinco grandes defesas, mas Arizala acabou marcando o segundo gol mexicano. Final: Leon 2 a 1.
         O Leon, que é dirigido por Gustavo Matosas, ex-jogador do Londrina e de vários times brasileiros, mostrou qualidades. Já o Flamengo, é uma equipe que conversa muito e joga pouco.
 
 
                                             O-O-O-O-O-O-O-O
 


           E o Cruzeiro, campeão brasileiro, também perdeu merecidamente no Peru, para o Real Garcilaso, por 2 a 1, num jogo disputado em Huancayo, a 3.200 metros de altitude. Faz 50 anos que os  brasileiros jogam lá nas alturas, mas não aprendem nunca. Já entram em campo morrendo de medo.
         Bruno Rodrigo fez 1 a 0, mas Britez e Rodriguez viraram o placar para os peruanos, com arbitragem do venezuelano José Argote. A nota triste foi a manifestação de racismo do público inca, que chamou o brasileiro Tinga de "macaco", vaiando o cruzeirense a cada intervenção na partida. Como se não houvessem negros jogando pelo Garcilaso, como este que aparece na foto da partida. Um grande absurdo.
 
                                                         O-O-O-O-O-O-O-O
 
           Ainda pela Libertadores, o Peñarol do Uruguai só empatou (1 a 1) com o Anzoátegui, lá na Venezuela. O forte Velez Sasfield da Argentina ganhou fora de casa: 1 a 0 sobre o Universitário, no Peru. Já o  Santa Fé da Colombia recebeu e venceu o paraguaio Nacional, por 3 a 1. E em outro choque de colombianos com paraguaios, nova vitória da Colombia: Deportivo Cali 1 x Cerro Porteño 0.

Pérolas que o Facebook nos traz


     Olha o nosso bom amigo Billy de Paula aí, com outra postagem engraçada. Os corinthianos estão sumindo mesmo

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Alemanha lidera em Sochi


 
        Com seis ouros, a Alemanha assumiu a liderança do Quadro de Medalhas dos Jogos Olímpicos de Inverno que estão sendo disputados na cidade russa de Sochi. E o esquiador germânico Eric Frenzel, que ganhou o título de "Combinado Nórdico" fez uma festa danada no pódium, como mostra a foto. A modalidade é composta por uma prova de salto e outra de cross-country.
      
      Os dez primeiros países no Quadro de Medalhas são: 1º Alemanha, 6 ouros, 1 prata e 1 bronze;  2º Canadá (4-4-2); 3º Noruega  (4-3-5); 4º Holanda (4-2-4); 5º EUA (3-1-5); 6º Suiça (3-0-1); 7º Rússia (2-4-3); 8º  Áustria (1-4-0); 9º Eslovênia (1-1-2) e 10º França (1-0-2)
    
       Vão acabar tirando Neymar, nosso melhor jogador, da Copa do Mundo. A cada dia a gente sente que o negócio fica mais enrolado. Agora, o Santos resolveu ir pra  Justiça. E tem o direito de fazê-lo. Os santistas querem saber como foi mesmo esta transação que levou o jogador para o Barcelona. Estou achando o pai de Neymar "esperto demais". E daqui a pouco, envolvido em problemas judiciais, nosso craque pode ser suspenso pela Fifa e ficar de fora do Mundial.

Fogão estreou com boa vitória



      Foi muito bom o começo do Botafogo na Fase de Grupos da Libertadores da América. É verdade que o San Lorenzo, campeão argentino, mostrou muito pouco no Maracanã. Mas o Fogão teve seus méritos, soube fazer 2 a 0 e ganhar o jogo.
        Acho que todo mundo esperava mais do "time do Papa".  Porém, o que se viu foi um futebol limitado, sem vontade ganhar. Já o Botafogo saiu matando e resolveu a partida. Fez 1 a 0 no fim do primeiro tempo, com Tanque Ferreyra, e selou a vitória com um golaço de Wallyson, que está jogando demais e é o artilheiro da Libertadores, com 4 gols.
        Acho que o Fogão não tem time pra ganhar a Libertadores, mas o começo foi bom.

Galo ganhou sem merecer

        Já o Atlético Mineiro não fez uma boa exibição em sua estréia na Libertadores. Mas ganhou fora de casa, por 1 a 0, num jogo em que teve muita sorte. Aquele manjado jeito frio do técnico Paulo Autuori e falta de rítmo de toda a equipe atrapalharam o atual campeão do torneio. Entretanto, a dois minutos do final, Ronaldinho Gaúcho cobrou um escanteio da esquerda e Jô cabeceou para marcar o único gol da partida, que foi das mais fracas.
                            Jô (nº7) e Ronaldinho comemoraram o gol no seu habitual estilo
            O Galo teve a sorte de pegar um adversário fraco, que completou sete jogos em Libertadores sem marcar um gol sequer.  Entretanto,  os mineiros pouco realizaram em campo. Nem mesmo os destaques da equipe, como o R10, que muito pouco realizou. Tardelli e Fernandinho se movimentaram bastante, mas erraram demais. E o artilheiro Jô passou o jogo inteiro caindo, a cada lance que disputava com a defesa venezuelana.
           O Estádio La Carolina, na cidade venezuelana de Barinas, estava cheio. E por muito pouco o Zamora não abriu o placar, minutos antes do gol brasileiro.  O Galo está muito longe daquele time que ganhou a Libertadores no ano passado.  

Pérolas que o Facebook nos traz


         Barata é mesmo um dos bichos mais nojentos que eu conheço. Gosto de ver uma barata morta. Como nesta postagem do amigo Guilherme Lopes.

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

       O Atlético mandou embora seu melhor jogador, Paulo Bayer, sob a alegação de que estava muito velho. Dispensou também o ótimo técnico Vagner Mancini, que botou o time na Libertadores. E agora contrata com salário mensal de R$ 100 mil, Adriano Imperador, gordo, velho e comprovadamente um jogador-problema.  É por coisas assim que os anos passam e o futebol paranaense continua pequeno

Felipão chama dois londrinenses

     A presença de dois londrinenses - Rafinha e Fernandinho - é a maior novidade da lista anunciada hoje pelo técnico Felipão, para o jogo com a Africa do Sul, dia 5 de março em Joanesburgo, no último amistoso da Seleção Brasileira antes da convocação oficial e definitiva, programada para o dia 7 de maio.
      Rafinha, lateral do Bayern de Munique, e Fernandinho, meia do Manchester City, são jogadores que têm chamado a atenção, por seguidas atuações convincentes. Os dois tem atuado nas seleções de base e são apontados como grandes promessas do futuro futebol brasileiro.


       Mas talvez maior surpresa tenha causado o não chamamento de Kaká e Robinho. Embora Felipão não confirme, é muito pouco provável que eles estejam no time que vai disputar a Copa. Se não foram chamados agora é porque não figuram nos planos.
        A convocação de hoje é parcial, porque ela ainda será completada por outros três atletas que atuam no Brasil. Hoje, apenas os "estrangeiros" foram chamados.
        O que eu  não entendi foi o fato de Felipão não ter convocado o lateral Maicon e o volante Hernanes. Pra mim, foi mais uma "felipada". Parece que o treinador se especializou em surpreender nas convocações.  Particularmente, esse tipo de comportamento não me agrada.
        A lista de hoje é meio "capenga", com um só goleiro, por exemplo.
        Goleiro - Julio Cesar (Toronto).  Laterais -Daniel Alves (Barça), Marcelo (Real) e Rafinha (Bayern). Zagueiros - Thiago Silva (PSG), David Luiz (Chelsea) e Dante (Bayern). Meio-campo  - Ramires (Chelsea), Luis Gustavo (Wolfsburg), Paulinho (Tottenham), Oscar (Chelsea), William (Chelsea) e Fernandinho (Manchester City). Atacantes - Neymar (Barça), Hulk (Zenit) e Bernard (Shakthar).
        Felipe e Parreira estão preocupados com as contusões de Fred, mas dispostos a esperar por sua recuperação até a última hora. Sinceramente, não entendo esta paixão pelo centroavante do Flu. Jô e Leandro Damião são os mais cotados conquistar a camisa 9.

Papi Soberano vai ficar sozinho

        Em seis décadas acompanhando futebol, eu nunca havia visto uma situação como esta que está ocorrendo no Londrina. Jamais ouvi um dirigente responsável pelo futebol de um clube declarar publicamente: "O técnico é da minha confiança e permanecerá enquanto eu estiver a frente do futebol do Londrina."  Esta declaração do "Papi Soberano" que manda no Tubarão está publicada no Jornal de Londrina de hoje, numa transcrição do que ele teria dito numa entrevista concedida à Rádio Paiquerê. Sinceramente, isto é novo no futebol. Até agora não existia. Nada é definitivo no futebol. Ninguém diz uma bobagem como esta.
       Mas a decisão está tomada. Claudio Tencati segue sendo o técnico do Tubarão, por motivos que todos nós conhecemos. Presume-se que a situação irá se estender por mais uns sete anos, tempo em que o contrato com a SM ainda estará valendo. Até lá, quem manda é este novo dono do futebol profissional da cidade. E o Tencati pode perder a vontade. E estamos conversados.
       Entretanto, a posição assumida pelo "Papi Soberano" certamente terá consequências. E as piores possíveis. É claro que a torcida inteira quer trocar o treinador. Apenas uma meia dúzia de pessoas que, por interesse, se mantém do lado do dirigente ditador, concorda com a permanência de Tencati. O grosso do povão, que não é bôbo nem nada, sabe que é hora de mudar o comando. E estas muitas pessoas, vai se sentir ofendidas pela atitude do gestor. Principalmente porque ele vive pedindo ajuda popular, apoio da torcida ao time e sobre tudo boas rendas.  Na hora de pedir, aí ele é humilde. Mas quando os torcedores é que pedem mudanças, o "homem" não abre mão do seu direito de mandar.
         Sabem o que vai acontecer ? Aos poucos, os torcedores vão começar a desaparecer do Estádio do Café. Principalmente se o time continuar ruim como está. E aí, o "Papi Soberano" vai ficar sozinho, pra poder mandar em tudo e não ter que escutar protestos.

Pérolas que o Facebook nos traz


    Assim como vem ocorrendo por aqui, também lá no Rio Grande do Sul o calor está de matar. Como bem nos mostra a postagem do primo e amigo Luiz Fernando Galvão (Nena), lá da minha Pelotas.

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

A morte de Virgínia Lane aos 93 anos



      Faleceu hoje a ex-vedete Virgínia Lane, uma das maiores estrelas do saudoso tempo do Teatro de Revista. Internada desde o dia 2, Virgínia morreu por falência múltipla dos órgãos, no Hospital São Camilo, em Volta Redonda (RJ).
       Famosa principalmente pelo sucesso que alcançou com a música de carnaval "Sassaricando", que o Brasil inteiro conhece,  Virgínia era lindíssima e tinha pernas esculturais. Foi casada duas vezes, mas seu romance mais comentado foi o mantido com o presidente Getúlio Vargas. Um caso que nunca chegou a ser plenamente confirmado, mas que o País inteiro comentou.
        Virgínia Lane participou de 32 filmes, dezenas de peças teatrais e foi eleita "Vedete do Brasil".
        O velório será amanhã, no conhecido Teatro João Caetano, na Praça Tiradentes, Centro do Rio. O sepultamento está marcado para quarta-feira.

Sochi 2014: começou o Curling


 
           A modalidade que mais me agrada nos Jogos Olímpicos de Inverno começou a ser movimentada hoje, nas categorias masculina e feminina. É o Curling, que eles chamam de "xadrez do gêlo", mas que me lembra muito mais os nossos Bolão ou Bochas. De qualquer forma, acho fascinante o desenvolvimento da modalidade. Os jogos estão sendo disputados às 8 da manhã e as 13 da tarde, no horário de Brasília. Vale a pena conferir.
         Por outro lado, depois das disputas de hoje, o Canadá assumiu a liderança no Quadro de Medalhas, com 3 de ouro, 3 de prata e 1 de bronze. A Holanda está em segundo, com 3-2-2, a Noruega em terceiro (2-1-4) e os Estados Unidos aparece em quarto, com 2 de ouro e 3 de bronze.

Schumacher não está reagindo

        Duas semanas já se passaram, desde que os médicos começaram a reduzir a aplicação de medicamentos sedativos, para tentar fazer o ex-piloto Michael Schumacher sair do coma. Mas até agora, o astro alemão ainda não mostrou nenhuma reação mais animadora, segundo informa o jornal germânico Bild.
        Corinna, a esposa de Schumi, tem seguido a risca os pedidos da equipe médica, para que converse diariamente com o marido. Eles acham que vozes familiares exercem um efeito calmante sobre os pacientes em coma, dando-lhes a sensação de segurança. Mas a ação de Corina também não trouxe nenhum resultado positivo. Talvez leve meses para que seu marido acorde.
         Michael Scumacher continua internado no Hospital Universitário de Grénoble, na França.

Um Grenal de verdade. Muito bom

        Já fazia um bom tempo que eu não via um clássico Grenal realmente bom. Matei a saudade ontem, no 1 a 1 merecido. Assisti a vários outros jogos no final-de-semana e inúmeros compactos. O Grenal foi o melhor de todos, sem dúvida.
        A Arena estava maravilhosa, embora não estivesse lotada. Vinte e três mil gremistas e mil e quinhentos colorados. Foi um jogo daqueles que a gente fica pedindo que o árbitro acrescente mais alguns minutos.
        Não tivemos a frescura que estou vendo em outros estados. Grêmio e Inter colocaram seus melhores jogadores em campo e deram um show. Ninguém valoriza mais as suas coisas do que nós gaúchos.
         Pra começar, dois goleiros sensacionais. Marcelo Grohe e Muriel estão em grande forma. Pra mim, foram os melhores em campo no Grenal 399. O Grêmio finalmente parece estar crescendo, com o trabalho do técnico Enderson Moreira. Parece que sem o Kleber Gladiador o time rende mais. E o Inter com Abel Braga no banco é outro time, muito melhor.
 
        Prestei muita atenção ao trabalho do nosso londrinense Wendell, que aparece na foto lutando contra Juan. Os gaúchos gostam muito do futebol do ex-jogador do Londrina. Particularmente, acho que ele ainda precisa aumentar o seu repertório de jogadas. Faz sempre a mesma coisa, em todos os lances. Mas no mais está bem. É veloz e não se assusta por estar jogando entre grandes craques. A tendência é crescer.
        Outro detalhe que me chamou a atenção diz respeito aos efeitos do sol sobre os gaúchos. O calor por lá está igual ao que anda fazendo por aqui. De tanto treinar e jogar debaixo desse sol todo, alguns profissionais estão "pretos". Como o argentino D'Alessandro e o centroavante Rafael Moura, que agora são morenos.  E até o árbitro Leandro Vuaden, que originalmente tem a pele clara, virou quase um mulato. Vejam a foto abaixo, na qual ele aparece ao centro, no aquecimento. Antes do verão ele era louro.
                                  
 
         Acho que a mudança de comando técnico fez muito bem pra dupla Grenal. Pelo que vi ontem, eles têm tudo para fazer um grande Campeonato Brasileiro. Estão realizando boas contratações e, dirigidos por Enderson e Abel, prometem grandes campanhas.
           Tomem nota: o Rio Grande do Sul vem forte este ano.



       

Pérolas que o Facebook nos traz


        Ah, Gigi Duarte, amiga lá de Pelotas, que está sempre postando coisas bonitas e sensíveis. Esta é mais uma mensagem que ela nos traz

domingo, 9 de fevereiro de 2014

"Time sem vergonha"

        Foram os gritos de um grupo de torcedores,  ouvidos por volta dos 35 minutos do segundo tempo da partida terminada agora há pouco, em Arapongas, que marcou um novo fracasso do Londrina neste Campeonato Paranaense. Parece que o povo não aguenta mais.
        O Arapongão, que não havia ganho de ninguém, fez um gol aos 5 minutos, através de Vinicius, e garantiu o triunfo. Renda de R$ 38.570,00 para 2.693 torcedores (2.407 pagantes).  O Tubarão não jogou nada e perdeu por 1 a 0.
        A verdade é que os torcedores foram iludidos. Sairam os melhores jogadores do elenco, o dinheiro não apareceu e os reforços contratados não são bons. O time que aí está é muito ruim. Com a palavra, o "Papi Soberano", que acha que sabe tudo, mas que de futebol entende bem pouco. Será que ele não vai mudar o comando técnico ?
       Amanhã, a gente volta a conversar sobre o novo fracasso do Tubarão

Brasileira foi a 77ª classificada


                                           
        Já se sabia que as chances do Brasil em qualquer prova dos Jogos Olímpicos de Inverno seriam muito pequenas, mas também não precisava exagerar. Nossa primeira atleta a competir em Sochi  foi justamente a mais conhecida, a porta-bandeira Jaqueline Mourão , que está disputando sua quinta Olimpíada  (três de Inverno e duas de Verão).
          Aos 38 anos, Jaqueline (foto) foi apenas a 77ª colocada  no biatlo, prova que combina três voltas de 2,5km de esqui, com duas paradas no estande de tiro para 10 disparos, sendo cinco deitados e cinco em pé. Oitenta e quatro disputaram o biatlo.
             A medalha de ouro da prova ficou com eslovaca Anastasiya Kuzmina. A Rússia levou a prata e a Ucrânia ficou com o bronze.
        Jaqueline Mourão, que está enfrentando uma crise de asma e bronquite, volta a competir na quinta-feira, nos 10 quilômetros do Esqui Cross Country.
      

Noruega continua liderando

     Com 2 medalhas de ouro, 1 de prata e 3 de bronze, a Noruega continua liderando os Jogos Olímpicos de Sochi. A seguir aparecem: Holanda com 2 de ouro 1 de prata e 1 de bronze; EUA com 2 de ouro e 2 de bronze; Canadá com 1 de ouro, 2 de prata e 1 de bronze; e Rússia com 1 de ouro, 2 de prata e 1 de bronze.

O centroavante foi feito aqui

 

 
  A Rádio Jovem Pan está divulgando a sua equipe esportiva que trabalhará na Copa do Mundo, através de um anúncio estampado em jornais revistas e outdoors. Um foto grande mostra os nomes famosos que estarão trabalhando no Mundial, tipo Nilson Cesar, Flávio Prado, Wanderley Nogueira e muitos outros cronistas conhecidos. E  me chamou a atenção na foto, a presença de um "centroavante" muito conhecido de todos nós, londrinenses. É José Manoel de Barros, um dos melhores narradores com quem tive oportunidade de trabalhar. Durante vários anos, Zé Manoel foi uma das estrelas da Rádio Paiquerê. A Jovem Pan veio buscá-lo aqui, e hoje ele faz muito sucesso em São Paulo. Para quem não conseguiu identificar na foto, Zé Manoel aparece com centroavante desta fantática equipe, que contará ainda com os reforços dos ex-jogadores Careca e Mauro Silva.  Zé Manoel está agachado, bem no centro, o quinto da fila de baixo.  Um grande profissional.